Thursday, July 25, 2013

novena a Santa Catarina de Alexandria



Oração a Santa Catarina
Senhor, nosso Deus, nas tribulações Tu nos revelas o poder de Tua misericórdia. De Ti, Santa Catarina recebeu a graça de suportar o martírio. De Ti nos venha também a força de confiar em Teu auxílio em todas as necessidades. Isto Te pedimos por Jesus Cristo. Amém.

Oração pedindo a intercessão de Santa Catarina
Gloriosa santa Catarina, modelo de virtude, por aquela fé que vos animava desde a mais tenra idade e que vos fez tão agradável aos olhos de Deus, que merecestes não só a coroa do martírio, mas que também confundistes os sábios deste mundo e os convertestes a Cristo, alcançai-nos a graça de conservarmos em nossos corações a fé, em toda a sua pureza e de nos confessarmos cristãos não somente por palavras, mas também por obras, para que Jesus, de quem damos testemunho diante dos homens, nos confesse e glorifique diante do Pai. Ó Santa Catarina, Virgem forte na fé, por aquela constância com que conservastes vossa Consagração a Cristo, no meio do mundo corrompido, alcançai-nos de Deus o espírito de fortaleza para vencermos todas as tentações e nos conservarmos puros de coração. Ó Virgem ardente no amor, por aquela força que abrasava o vosso coração na fidelidade ao amor de Deus e à missão para a qual Deus vos chamou e que vos fez suportar tantos sofrimentos e torturas, alcançai-nos de Deus a graça que purifica o nosso amor, para que possamos um dia participar da mesma glória que merecestes pelo vosso martírio. Amém.

Novena a Santa Catarina

Oração preparatória (para todos os dias):
Ó Deus, nosso Pai, vós quereis que bendigamos e glorifiquemos vossos santos, com os quais, cheio de clemência e de amor, repartistes os tesouros de vossa bondade e misericórdia. Humildes e confiantes, estamos em vossa presença e, durante esta novena em honra de Santa Catarina, nós vos pedimos a graça ... (mencionar a intenção).
Dai-nos, também, a graça de vivermos de acordo com vossa vontade. Livrai-nos de todo pecado e tornai-nos zelosos na prática do bem. Permanecei conosco em todas as tentações, e recebei favoravelmente nossos pedidos durante esta novena.

(Segue a reflexão do dia). Pai nosso, Ave Maria, Glória ao Pai. V. Rogai por nós, Santa Catarina. T. A fim de obtermos o verdadeiro espírito de Jesus Cristo.

Oração final (para todos os dias):
Ó Deus, que entre outros milagres de vosso poder, destes a Santa Catarina a glória do martírio,
concedei-nos propício que, por sua intercessão, caminhemos para vós segundo seu exemplo de amor e fidelidade. Amém!

1º dia - Virtuosa mártir, Santa Catarina, vós permanecestes até à morte constante na fé, na esperança e no amor a Deus e ao próximo. Intercedei por nós e obtende-nos a graça de perseverar na prática de boas obras até que, passando esta vida, possamos ser admitidos no Reino Eterno. Amém!
2º dia- Corajosa virgem, Santa Catarina, que generosamente suportastes sofrimento e afrontas com firmeza e por amor a Cristo, pedi a Deus por nós, afim de que recebamos com fé as provações de toda sorte que nos acontecerem, para que nossa fé seja purificada. Amém!
3º dia- Gloriosa Santa Catarina, desde a juventude vos consagrastes exclusivamente a Jesus Cristo, amando-o sobre todas as coisas e de todo o coração, e nada vos pôde separar dele. Intercedei por nós a fim de que, pelo amor fiel, nos unamos a Jesus Cristo, nosso Salvador. Por seu amor, renunciemos a todo pecado e em tudo sejamos conforme a vontade salvífica de nosso Deus. Amém!
4º diaSanta Catarina, mártir, fostes inabalável e firme em vossa fé. Corajosa e heroicamente a confessastes diante do imperador pagão, selando-a com vosso sangue. Intercedei por nós para que tenhamos a felicidade de viver a verdadeira fé e nela perseverarmos. E que, assim, possamos permanecer fiéis à Igreja de Jesus Cristo, dando testemunho, por palavras e ações, daquilo que cremos. Amém!
5º diaSanta Catarina, virgem, por amor a Cristo conservastes a pureza do corpo e do espírito e renunciastes a qualquer outro valor. Intercedei por nós para que nossos pensamentos, olhos, corações e todo o nosso ser sejam purificados de toda malícia, afim de que, por meio de uma vida casta, testemunhemos a todos o amor de nosso Deus. Amém!
6º dia- Santa Catarina, verdadeira discípula de Jesus Cristo, na escola da cruz conhecestes as vaidades do mundo, renunciastes a suas alegrias e encantos. Por amor a Jesus, suportastes alegre todos os sofrimentos, até o martírio. Nós temos medo de nossa hora e constantemente resistimos ao sofrimento. Intercedei por nós, para que tenhamos coragem de seguir a Jesus Cristo no caminho do Calvário, completando em nossa carne o que falta à sua paixão, para que conheçamos em nossa carne sua Ressurreição. Amém!
7º diaHeroica Santa Catarina, vós, com a graça de Deus, soubestes resistir a tantas palavras e situações sedutoras, e fostes perseverante até ao martírio. Rogai a Deus por nós, para que nosso sim seja sim e nosso não seja não; desse modo, por palavras e obras, permaneceremos fiéis à vocação para qual fomos chamadas. Amém!
8º dia- Santa Catarina, virgem prudente e sábia, crescestes em um ambiente de honrarias e riquezas. À luz do evangelho de Jesus Cristo, soubestes discernir os verdadeiros valores de nossa existência, e conquistastes a alegria de possuir o supremo Bem. Intercedei por nós, a fim de que não nos deixemos ofuscar pelo falso brilho da riqueza e do poder, mas, com um coração de pobre, encontremos o tesouro do Reino do Céu. Amém!
9º diaSanta Catarina mártir, na oração encontrastes o alimento de vossa fé e a coragem de caminhar na fidelidade de vossa consagração a Jesus Cristo. Vencestes as tentações e sofrestes o martírio. Rogai a Deus por nós, para que sejamos dóceis ao Espírito que nos foi dado para manifestarmos toda a verdade e, guardando sua Palavra em nosso coração, possamos viver a vida de verdadeiros filhos de Deus. Amém!

Liturgia - 25 de novembro - SANTA CATARINA DE ALEXANDRIA, VIRGEM E MÁRTIR

SANTA CATARINA DE ALEXANDRIA,
Virgem e Mártir

Cor litúrgica: Vermelho

Ofício da memória
Liturgia das Horas: 1613-773
Oração das Horas: 1509-892

Leituras: Dn 5,1-6.13-14.16-17.23-28 – Cânt. Dn 3 – Lc 21,12-19
“É pela perseverança que mantereis vossas vidas.”Estas palavras de Jesus anunciam as perseguições da comunidade cristã e asseguram a proteção constante de Deus se perseverarem em sua vida e testemunho.



Em Alexandria, no começo do século IV, o martírio de Santa Catarina. Esta virgem cristã, misticamente unida à sabedoria encarnada, derrubou com sucesso certas objeções levantadas contra a fé por alguns filósofos. Muito popular na Idade Média, foi uma das “vozes” de Joana d´Arc. Seu culto permanece ainda vivo em um mosteiro situado aos pés do monte Sinai.
Santa Catarina nasceu em Alexandria, principal cidade do Egito antigo. Era filha do ilustre Rei Costus e de D. Sabinela, nobres descendentes diretos dos reis e governadores do país!A pequena Catarina era dotada de uma beleza incomparável, porém destacava-se pelo seu espírito alegre e despojado.Desde muito cedo demonstrou uma inteligência clara e brilhante; teve como mestres os sábios de Alexandria e, tão rápidos foram seus progressos, que aos 13 anos era mestra das sete artes: eloqüência, poesia, música, arquitetura, escultura, plástica e coreografia.Quando Catarina estava com 15 anos, o Rei Costus, seu pai, faleceu e assim foi com sua mãe para as montanhas das Cilícia, vivendo assim uma temporada de descobertas.Durante aquele tempo conheceu Ananias, um velho sacerdote amável e comunicativo. Ananias transmitiu a Catarina os mistérios do Cristianismo.Dona Sabinela, já era cristã batizada, e desejava o mesmo para a sua filha, além de um bom casamento que trouxesse segurança e proteção.Numa determinada noite, mãe e filha, tiveram um sonho bastante significativo no qual a Santíssima Virgem Maria apresentava o Menino Jesus a Catarina, e este, tomando da mão de Catarina, coloca em seu dedo um anel de ouro, anel de compromisso. Maria pede a Catarina que seja batizada. Quando Catarina desperta do sono, percebe o anel em seu dedo!Desejosa em cumprir o que prometera em sonho, Catarina procura ainda mais, instruir-se nas verdades da fé, e, assim sendo, recebe o Santo Batismo. Dona Sabinela e a filha confiaram o reino a um governador e voltaram à Alexandria.Com a morte de sua mãe, Catarina transforma sua residência num lar de acolhida e escola de formação Cristã. A nossa jovem, tendo apenas 18 anos, é capaz de confundir os maiores filósofos de Alexandria e arredores.Catarina é testemunho de fé e vida, incontáveis são os que a seguem, e nela encontram as repostas das verdades do evangelho de Jesus Cristo!O Imperador Maximiano havia decretado uma perseguição aos cristãos e sua doutrina, tendo Conhecimento e sabedor do grande preparo de Catarina, prometeu um prêmio ao filósofo que conseguisse afastar a jovem da religião Cristã. Numa discussão pública, para a qual Catarina foi convidada, tudo fizeram para desorientá-la. Ela, porém, iluminada pelo Espírito Santo, respondeu-lhes com tanta clareza e sabedoria que os próprios filósofos abandonaram o erro.Surpreendido pelo êxito inesperado da discussão pública, o imperador procurou, por todos os meios, arrancar Catarina do Cristianismo. Adulações e promessas de fazê-la imperatriz: tudo em vão!Com soberano desdém, a jovem repeliu as ofertas do Imperador, declarando-se esposa de Cristo. Catarina foi lançada em um cárcere escuro, onde ficou doze dias. Quando saiu de lá estava mais bela do que nunca; seus olhos eram como fachos de luz e sua pele alva estava reluzente.Nossa jovem mártir é entregue aos algozes, condenada ao martírio da roda. No momento em que ia ser estendida sobre a roda, Catarina traçou o sinal da cruz e esta despedaçou-se imediatamente. Este milagre fez com que o povo rendesse louvor ao Deus dos Cristãos e a própria Imperatriz confessasse a sua fé no Filho de Deus. Cada vez mais irritado e enfurecido, Maximiano, percebendo que todos os seus esforços eram em vão, pronunciou a sentença de morte e mandou levá-la ao lugar do suplício. Após uma oração de louvor e súplica e agradecimento ao Deus verdadeiro. Catarina foi decapitada e de suas veias saiu leite ao invés de sangue!Seu corpo foi levado ao Monte Sinai, onde a sepultaram. Dizem que os próprios anjos levaram seu corpo! Mais tarde sobre sua sepultura foi construído um convento, que ainda hoje existe, e é habitado por monges gregos. Santa Catarina de Alexandria, por seu grande saber, é padroeira dos estudantes, filósofos e juristas, e com muito orgulho, a padroeira do Estado de Santa Catarina.