Friday, June 12, 2015

Uma Virgem


É virgem, é Maria, mas não a mãe de Jesus, e sim a filha do artista transfigurada em deusa Nike (não confundam com o tênis). Não sei se por ato falho, ou ressonância arquetípica, essa apaixonante e poderosa menina consta entre as imagens de um belíssimo livro de arte dedicado a Nossa Senhora, "Ave, Maria!", organizado por Silvana Santos.
***
Abott Handerson Thayer fez "Uma Virgem" (1892-3)  no ano seguinte à  morte da esposa, vítima de severa depressão decorrente da ainda recente morte do pai. No quadro, o pintor norte-americano representa seus  filhos, Gladys, Mary e Gerald. Ele pensou a princípio em associar Mary, ao centro, à deusa  Flora, divindade grega das flores (que aliás aparecem no alto do quadro), mas na evolução da obra acabou por tomar por modelo a Vitória de Samotrácia (vide abaixo); as nuvens em suas costas equivalem às asas da deusa grega.

Niké (Vitória) de Samotrácia, no museu do Louvre; considera-se que a escultura, de autor desconhecido, tenha sido feita entre 220 e 190 a. C. Foi redescoberta nas ruínas de um santuário em Samotrácia, Grécia, em 1863