Wednesday, December 28, 2016

Uncle Noam




"Na medida em que existem, a opressão e a repressão são reflexos da natureza humana. O mesmo é verdade quanto à simpatia, solidariedade, gentileza e cuidado com os outros – e para algumas grandes personalidades, como Adam Smith, estas são as qualidades essenciais dos humanos. A tarefa das políticas sociais é desenhar os modos como vivemos e a estrutura institucional e cultural de nossas vidas, de forma a favorecer os aspectos benignos e suprimir os aspectos grosseiros e destrutivos de nossa natureza fundamental." -assim diz Noam Chomsky, o "uncle Noam" celebrado a todo 7 de dezembro, dia de seu nascimento, pela família do "Capitão Fantástico" Viggo Mortensen, nesse filme de contracultura, espécie de novo "Into the Wild", que resgata o que não só o humano dos homens, mas a América tem de mais benigno, construtivo, libertário, lado a lado com os aspectos "grosseiros e destrutivos" que ameaçam dar o tom no novo ciclo político que se inicia em janeiro. Que sintomático, e pelo menos consolador, que o Sol forte deste road movie nos acene do mundo aparentemente intangível da imaginação ao mesmo tempo em que os densos horizontes materiais parecem se fechar tão brutalmente no real cru, eu disse cru, aqui debaixo, o mundo dos Happy New Fears.